Olá, eu sou a

Sou doula de coração e por vocação. Sempre me deslumbrei com a gravidez, a maternidade e os bebés e quanto mais relembro os conhecimentos e a sabedoria que trago em mim, mais apaixonada fico por esta fase da vida em que doamos a vida.

Gestação – semana 14 [início do 2º trimestre]

Quem segue o blog diariamente deve estar neste preciso momento a fazer a seguinte pergunta “Porquê a semana 14? E as outras 13?” As outras 13 virão 🙂 Mas para já senti necessidade de ler mais sobre a 14ª semana de gestação e partilho já convosco essa informação. (Assim até crio informalmente o compromisso de escrever sobre as restantes semanas. Uma após uma.)
A semana 14 é primeira do novo trimestre. Por esta altura a confiança na gravidez já estará mais consolidada uma vez que o risco de aborto diminui significativamente. Então vamos lá viajar ao útero e espreitar o desenvolvimento do nosso bebé:

> Por esta altura estima-se que o feto meça cerca de 8 cm e pese cerca de 40gr. 
> O feto está a crescer assim como os seus orgãos internos estão a desenvolver-se rapidamente
> O corpo fica mais proporcional com o crescimento das pernas uma vez que até agora a cabeça era predominante
> O feto já faz movimentos com as mãos e dedos e começa a experimentar movimento faciais como mexer as sobrancelhas e a boca (imaginam? que amor!!)
> Começa agora a produzir mecónio (são as primeiras secreções do bebé resultando de líquido amniótico que vai ingerindo)
> Inicia-se também o desenvolvimento do sistema nervoso
> Os órgãos genitais externos já estão formados
> O feto já ouve sons e vibrações do interior da mãe
> Os primeiros fios de cabelo e pêlos começam a crescer nesta altura!
> As papilas gustativas despertam e o feto começa a sentir os primeiros sabores (mamãs, toca a mimar os bebés com alimentos bem saborosos!!)
E na mamã grávida? O que acontece? 
> O peso e tamanho continua a aumentar
> Pode haver oscilações de humor – por isto é importante ter apoio e partilhar experiências. É normal!! 🙂
> Sentir maior desejo sexual – é para aproveitar porque no 3º trimestre este desejo pode diminuir.
> A mulher pode ter obstipação – isto acontece pelo aumento dos níveis de progesterona mas também pelo aumento do tamanho do útero que diminui os movimentos intestinais
> Há um aumento de sensibilidade olfactiva
> Há um aumento de secreções, como suor, fluxo vaginal e saliva
Algumas indicações e cuidados especiais?
> A mamã precisa de ter atenção à sua alimentação (continuar a ter, diria eu.): Alimentos nutritivos, variados, poucos hidratos de carbono e açúcares refinados. Ingerir fruta (3 peças por dia), beber água, evitar bananas (que produzem muco), uvas e mangas (são muito calóricas). Evitar refrigerantes pelos níveis de açúcar mas também pelo gás. O ácido carbónico retira o cálcio dos intestinos, do organismo e dos ossos. E nesta altura de crescimento fetal as mulheres precisam de todo o cálcio!
> Fazer exercício físico: o ideal será exercício moderado diário, durante 20 minutos. Caminhada, sair na paragem de autocarro anterior, etc 
> Fazer yoga: 20 minutos diários de sequências específicas para a gravidez onde a resistência e agilidade são trabalhadas, essencialmente na região pélvica (a preparação para o parto começa desde logo! :))
Na verdade, estes cuidados já existem desde o início da gravidez e prolongar-se-ão durante as próximas semanas de gestação. De qualquer das formas importa referir o cuidado com os hidratos de carbono uma vez que o bebé pode aumentar de peso precocemente nesta fase. 
Esta é também uma excelente altura para começar a registar a gravidez, se é que ainda não começou a fazer!
Deixo aqui um dos melhores vídeos que já vi. TÃÃÃÃO BONITO!

[imagem de http://www.thepregnancyzone.com/pregnancy-weeks/14-weeks-pregnant/
texto adaptado de http://www.gestacaobebe.com.br
http://www.maemequer.pt
e do livro “Método para um parto suave”, Drª Gowri Motha]

Se gostaste deste post, também vais gostar destes: