Bom dia!!
Estou tão entusiasmada por partilhar isto convosco 😀
Ontem, numa visita pós-parto, em que tive o privilégio de dar colo àquele maravilhoso ser, pus-me a folhear o livro da Constança Cordeiro Ferreira – “Os bebés também querem dormir” e descobri informação que desconhecia e que achei BRUTAL! 
Aproveito desde já para agradecer o trabalho que a Constança tem feito e a partilha de tais conhecimentos através do livro. É urgente divulgar isto. É urgente cuidar dos bebés como eles merecem ser tratados 🙂 Estamos nesse caminho, cada vez mais!! 😀
Começo por vos mostrar estas imagens:

O que estas fotografias têm em comum? (Para além de serem imagens amorosas das mães com as suas crias?:))

O que têm em comum é a classe de animais a que pertencem – todos são mamíferos. Ou seja, entre outras características que possuem, todos têm glândulas mamárias que, nas fêmeas, produzem leite para alimentar os seus filhotes.

Agora o que vos pergunto é:
E o que têm de diferente?

Pois!! Aqui está o que aprendi ontem!! 😀

Dependendo da forma como cuidam dos seus filhotes e do teu tipo de leite (nível de gordura e proteína) os mamíferos são divididos em quatro grupos:

> Mamíferos Cache – Estes mamíferos escondem as suas crias em lugares seguros e afastam-se. Podem estar afastados das crias até 12 horas pelo que o seu leite é muito rico em gordura e proteína. Os bebés são alimentados com pouca frequência e naturalmente não fazem ruído nem se movimentam enquanto a mãe está longe. Exemplos de Mamíferos Cache são os Coelhos, Ratos, Esquilos, etc.

> Mamíferos Follow – As crias destes mamíferos seguem as suas mães para todo o lado. Como se mantém perto, alimentam-se sempre que necessário e por isso o leite destes mamíferos é pobre em gordura e proteína. Exemplos destes mamíferos são as Vacas e as Girafas.

> Mamíferos Nest – Estes mamíferos são menos maturos ao nascer do que os mamíferos Cache e Follow e precisam do ninho para manter o calor corporal. A mãe pode afastar-se da ninhada por alguns momentos mas volta frequentemente para alimentar as crias. O seu leite tem menos gordura e proteína quando comparado com os outros mamíferos Follow e Cache. Os Cães e Gatos são exemplos deste grupo de mamíferos. Quando nascem têm muito pouca autonomia e é essencial que se mantenham perto dos seus irmãos para se manterem quentes e protegidos.

> Mamíferos Carry – Os mamíferos Carry são os mais imaturos de todos os outros tipos. Precisam absolutamente do calor e colo da mãe para regular a sua própria temperatura e respiração. Alimentam-se frequentemente uma vez que o leite tem o menor teor de gordura e proteína de todos os mamíferos. Mamíferos que pertencem a este tipo são os Primatas – Macacos, Lémures; Marsupiais – Cangurus, Koalas e Humanos. [Txanaaaaaannnn ;)]


Quantos de nós ao olhar para os animais acha natural e ao olhar para os humanos acha “estranho”?
Não é exactamente a mesma coisa? 

A verdade é esta! Todos somos mamíferos com necessidades únicas e especiais 😀

[fonte: Baby Wearing de Sarah Barnard From New Beginnings, Vol. 31 No. 2, 2010, pp. 18-21 disponível em http://www.llli.org/nb/nbiss2-10p18.html
Imagens retiradas do Google Imagens]