Olá, eu sou a

Sou doula de coração e por vocação. Sempre me deslumbrei com a gravidez, a maternidade e os bebés e quanto mais relembro os conhecimentos e a sabedoria que trago em mim, mais apaixonada fico por esta fase da vida em que doamos a vida.

Yoga na Gravidez? Sim, por favor! (II)

Olá!
Hoje trago-vos mais um artigo sobre Yoga na Gravidez. Desta vez o foco está no Pranayama que são exercícios de controlo da respiração.
Os exercícios de Pranayama são maravilhosos em toda a nossa vida e representam uma grande ferramenta durante a gravidez uma vez que ajudam no equilíbrio emocional, ajudam a pacificar e serenar. E quando a mãe está tranquila, o bebé sente-o e começa desde logo a aprender também o que é a paz, a viver em paz :).
Os exercícios devem ser feitos entre 3 a 11 minutos e são um óptimo complemento à prática de yoga.
Devemos sentar-nos numa posição confortável, com as costas direitas e o peito aberto. É bom arranjar um bocadinho que saibamos que não vamos ser interrompidas. Estar connosco próprias é o objectivo.

Exercício 1. Respiração Longa e Profunda

Os benefícios da respiração longa incluem relaxamento, libertação de stress, estimulação de endorfinas que combatem a depressão, expansão da capacidade pulmonar e aumento da paciência.
Começa por fechar os olhos, relaxando a respiração e respirando suavemente pelo nariz.
Está atenta ao movimento da tua barriga ao longo da respiração e permite que esta expanda.
Com a inspiração lenta e profunda nota também que o peito, a caixa torácica superior se expande também. Ajuda imaginar um balão a encher-se de ar e a esvaziar.
Inspira e o balão enche, expira e o balão vaza.

Exercício 2. Respiração Alternada

Este tipo de respiração equilibra os hemisférios do cérebro, cria uma sensação de harmonia e bem estar, ajuda a aliviar o stress e a tensão na cabeça e potencia equilíbrio mental e emocional.
Começa por fechar os olhos e começa a respiração lenta e profunda pelo nariz. Coloca a mão esquerda em Gian mudra (com o indicador e polegar unidos e os restantes dedos esticados, com a palma da mão virada para cima) descontraída sobre o joelho esquerdo.
Fecha a mão direita em punho, deixando apenas o dedo indicador e polegar estendidos, de forma confortável. Coloca o polegar direito sobre a narina direita, fechando-a de modo a inspirar apenas pela narina esquerda. Inspira! No final da inspiração pela narina esquerda, coloca o indicador a fechar a narina esquerda e expira pela narina direita. Inspira pela narina direita e no final da inspiração, troca o dedo para fechar a narina direita e expira pela narina esquerda. Inspira pela narina esquerda e continua sempre o ciclo.

Exercício 3. Sitali Pranayama

Como uma lufada de ar fresco, este pranayama é óptimo para emoções quentes, como a raiva e a frustração ajudando a arrefecer. Para além disto, este pranayama ajuda mesmo a arrefecer a temperatura do corpo sendo benéfico em casos de febre, por exemplo. Ajuda também na digestão e aumenta o estado de alerta.
Começa por fechar os olhos e formar um “O” com os lábios. Enrola a língua em “U” apenas com a ponta da língua e coloca-a fora dos lábios (algumas pessoas são incapazes de fazer isto devido a predisposição genética. Se for o teu caso não tem problema, faz apenas com os lábios arredondados em “O” :))
Inspira pela boca, como se a língua fosse uma palhinha. Expira suavemente através do nariz. Continua o ciclo, inspira pela boca, expira pelo nariz.
Estes exercícios podem e devem ser feitos todos os dias, de forma regular.
Criando paz e harmonia diariamente na nossa vida e na nossa rotina, não só estamos a contribuir para a nossa vida e para a nossa felicidade como também estamos, através de uma prática consciente, a ensinar paz e harmonia às próximas gerações.

 

(imagem de http://www.brightonmums.com/the-yoga-of-pregnancy/#prettyPhoto
http://www.faqs.org/oc/Overcoming-colds-flu/Yoga-to-improve-breathing.html
http://www.889yoga.com/beat-the-heat-with-sitali-pranayam/
e texto traduzido de http://www.spiritvoyage.com/blog/index.php/pranayama-top-3-breaths-for-pregnancy-and-new-motherhood/)

 

Se gostaste deste post, também vais gostar destes: